sábado, 14 de abril de 2012

737 Next Generation de número 4.000


Executivos da Boeing e mais de 500 funcionários, fornecedores, representantes sindicais e entidades governamentais juntaram-se à China Southern Airlines para celebrar a entrega da aeronave 737 Next Generation de número 4.000 num evento realizado hoje em Seattle.

O 4.000° jato 737 Next Generation produzido nas instalações de Renton, Washington, será entregue oficialmente durante a próxima semana, na sede da China Southern Airlines em Guangzhou, China.

“O sucesso do 737 Next Generation é o resultado de anos de experiência que centenas de funcionários da Boeing continuam a aplicar em todos os 737 para uso executivo, governamental ou para o serviço regular de passageiros,” afirmou Beverly Wyse, vice-presidente e diretor executivo do programa 737. É um marco histórico entregar o 737 Next Generation de número 4.000. Queremos agradecer à China Southern Airlines e a todos os nossos clientes que possibilitaram que o 737 seja a aeronave comercial mais popular da história da aviação civil.”

Para a China Southern Airlines esta aeronave também é importante porque será o 75º 737 entregue diretamente à companhia aérea. Com mais 45 Boeing 737-700/800s encomendados, a China Southern é a maior companhia aérea chinesa, com uma frota de 450 aeronaves, sendo a sexta maior companhia aérea a nível mundial.

“A China Southern e a Boeing construíram uma excelente parceria e estamos extremamente honrados em recebermos o 737 Next Generation de número 4.000,” afirma Dong Suguang, vice presidente executivo da transportadora aérea Chinesa. “O 737 Next Generation tornou-se uma importante ferramenta na frota moderna, econômica e eficiente da China Southern Airlines”.

O 4.000° 737 Next Generation é um modelo 700 com capacidade para 126 passageiros numa configuração em duas classes e equipada com o novo Boeing Sky Interior.

O Boeing 737 é a aeronave comercial com mais unidades produzidas na historia da aviação e continua a quebrar recordes com o avanço do programa e com a produção de novas aeronaves. O espaço temporal entre a produção de cada 737 Next Generation é cada vez mais curto. Demorou cerca de três anos e um mês entre a entrega do 2.000º e o 3.000º, enquanto a produção entre o 3.000º e o 4.000º demorou apenas dois anos e oito meses. A Boeing prevê o aumento da taxa de produção para 42 aeronaves mensais a partir do primeiro semestre de 2014.

A família 737 Next Generation já recebeu mais de 6.600 encomendas com cerca de 2.600 unidades ainda a serem produzidas. Com mais de 5.500 aeronaves atualmente em serviço, a família 737 representa mais de um quarto do total mundial da frota de aeronaves comerciais. Mais de 358 operadores em 114 países voam o Boeing 737.

Nenhum comentário:

Postar um comentário