quinta-feira, 19 de abril de 2012

Com piloto inconsciente, avião anda em círculos e cai no Golfo do México

O piloto inconsciente de um pequeno avião particular sobrevoou em círculos o Golfo do México por horas nesta quinta-feira (19) , escoltado por dois caças militares norte-americanos, antes de ficar sem combustível e cair na água, disseram autoridades.
A Guarda Costeira dos Estados Unidos enviou um barco ao local do acidente, cerca de 193 quilômetros a oeste de Tampa, na Flórida. O destino do piloto do Cessna ainda era desconhecido, disse o porta-voz da Guarda Costeira norte-americana, o suboficial Steve Lehmann.
Dois caças F-15 enviados para interceptar o Cessna informaram que o piloto estava "sem reação" e os caças permaneceram com o avião, disse Stacey Knott, porta-voz do Comando Norte-Americano de Defesa Aeroespacial em Colorado Springs, no Colorado.


O avião decolou de Slidell, na Louisiana, rumo a Sarasota, na Flórida, e acabou voando em círculos a 6 mil metros sobre as águas do Golfo, disse a porta-voz da Administração Federal da Aviação.
Em um incidente anterior envolvendo um "avião fantasma", o jogador de golfe profissional Payne Stewart e outras cinco pessoas morreram a bordo de um jato privado fretado no dia 25 de outubro de 1999.
O avião perdeu a pressão da cabine, incapacitando os que estavam a bordo, e voou durante quatro horas antes de cair em um campo perto de Aberdeen, em Dakota do Sul.

Fonte: g1.globo.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário