quinta-feira, 5 de abril de 2012

Helibras em breve vai começar a montagem dos EC725s no Brasil


A subsidiária brasileira da Eurocopter, a Helibras, está se preparando para iniciar a montagem de helicópteros EC725 para o programa H-XBR das forças armadas brasileiras.

Um novo edifício da linha de montagem final para o EC725 está agora completo no terreno da empresa em Itajubá, em Minas Gerais, e o trabalho no primeiro helicóptero montado no Brasil começará no início de abril com a primeira aeronave construída no país devendo fazer seu primeiro vôo cerca de ano depois.

“Houve muitas mudanças na Helibras ao longo do ano passado, e este é um momento muito emocionante para nós”, disse o CEO da Helibras Eduardo Marson Ferreira. “A nova instalação está completa e estamos avançando tanto no novo edifício da montagem do EC725 e do Esquilo, como nas nossas antigas instalações que serão utilizadas para MRO.

A força de trabalho da empresa aumentou para 655, enquanto que 45 engenheiros Helibras, que têm trabalhado ao lado de seus colegas da Eurocopter em Marignane, na França, em breve voltarão para compartilhar o seu conhecimento e experiência.

Os 16 primeiros dos 50 helicópteros EC725s encomendados pelo Brasil serão construídos na França, enquanto que a partir da aeronave 17ª em diante, os helicópteros contarão com quantidades crescentes de conteúdo brasileiro, incluindo o equipamento e componentes oriundos de fornecedores nacionais.

Até o momento, uma aeronave foi entregue a cada uma das Forças Armadas – Exército, Marinha e Aeronáutica – e é a aeronave da Força Aérea (FAB3510) que fez uma viagem de 25 horas a partir do norte do Brasil para participar da FIDAE 2012.

Atualmente todas as aeronaves entregues estão numa configuração de transporte básico, mas dois dos helicópteros fabricados na França – as aeronaves de número quatro e cinco a ser entregues – serão utilizadas como protótipos para a integração de sistemas de missão que serão instalados nas aeronaves mais tarde. Tais sistemas deverão incluir sistemas de guerra anti-superfície para a versão naval.

Além disso, Marson Ferreira indicou uma possível encomenda para Helibras de EC225s que serão construídos para uso em transporte offshore, para a crescente indústria de petróleo e gás no Brasil, mas disse que mais detalhes serão revelados no momento que a nova fábrica for inaugurada oficialmente em abril.

Bem como a montagem dos EC725, a Helibras recentemente voou o primeiro protótipo do recém-atualizado AS565 Panther para o Exército Brasileiro. A empresa ganhou o contrato para atualizar 32 aeronaves Panthers, além de fabricar duas adicionais que cairam em janeiro de 2010.

A atualização inclui remotorização da aeronave com o novo Turbomeca Arriel 2C2 e uma nova suíte de aviônicos e uma cabine no conceito glass. O trabalho nos Panthers estará completo até 2021.

A empresa também está negociando as especificações finais para uma modernização da frota do Exército Brasileiro de 36 helicópteros AS350 Fennecs. O trabalho está definido para incluir a instalação de novos aviônicos e trazer a aeronave até um padrão único, ao invés da atual situação de frotas-dentro-de-frotas Fennec.

Fonte: Shephard

Nenhum comentário:

Postar um comentário