sábado, 14 de abril de 2012

Pilotos da Ibéria entram em greve


Os pilotos da companhia aérea espanhola Ibéria, que faz parte da International Airlines Group, entraram ontem em greve, deixando em terra 150 voos no primeiro dia de uma série de 30 paralisações contra a criação da unidade de baixo custo Ibéria Express.

Na semana passada, a Ibéria recorreu à justiça para impedir a greve dos pilotos e comissários de bordo planeada para os próximos meses e para receber compensação por 12 dias de paralisações entre Dezembro e Março.

As greves chegaram a ser suspensas em Março, os pilotos entraram em negociações com a companhia, mas as discussões fracassaram. O sindicato de pilotos afirma que a Ibéria Express é uma ameaça a empregos e condições de trabalho, mas a companhia diz que é vital para aumentar os seus lucros.
A Ibéria estima que as greves causem perdas de 3,92 milhões de dólares por dia. Ontem, o site da Ibéria mostrava mais de 150 voos cancelados, incluindo para destinos dentro da Espanha, na Europa e América Latina.

Os pilotos, que planeiam cruzar os braços todas as segundas e sextas-feiras até Julho, afirmam que o novo serviço de baixo custo da Ibéria viola acordos acertados quando a companhia e a British Airways se fundiram para formar a International Consolidated Airlines Group.

Fonte: Jornal de Angola

Nenhum comentário:

Postar um comentário