sábado, 19 de maio de 2012

Boeing entrega o 8° C-17 Globemaster III para Real Força Aérea Britânica







A Boeing entregou hoje o oitavo avião de transporte militar C-17 Globemaster III para a Força Aérea real do Reino Unido (RAF), durante uma cerimônia na unidade de montagem final da Boeing em Long Beach.

“Sinto-me honrado e feliz por entregar a mais recente aeronaves C-17 para Royal Air Force que será integrada à frota no Esquadrão N°99, onde os nossos sete aviões C-17 estão em constante demanda voando missões de apoio aos requisitos da Defesa e de outras agências governamentais”, disse o Wing Commander da RAF. David Manning, comandante do esquadrão 99, disse “É um sentimento muito bom saber que temos a capacidade para entregar suprimentos cruciais para as linhas de frente com facilidade, ou trazer de volta para casa as tropas feridas com uma melhor chance de sobrevivência, devido à capacidade e flexibilidade do C-17. Este mais novo C-17 será uma adição bem-vinda para a frota da Força Aérea.”

A frota da RAF de C-17 é operada pelo Esquadrão 99 na Base da RAF de Brize Norton. O primeiro C-17 da RAF entrou em serviço em 2001 e já ultrapassou 74.000 horas de vôo – 15 por cento acima da taxa projetada. O Ministério da Defesa britânico, citando a demanda em curso, encomendou aeronaves de transporte adicionais para entrega em 2008 e 2010 e contratou seu oitavo C-17 em março.

“Os C-17 da RAF estão sempre presentes quando há uma necessidade de ajuda humanitária ou de paz ao redor do mundo”, disse Bob Ciesla, vice-presidente da Boeing Airlift e gestor do programa C-17. “Estamos orgulhosos ao apoiar a Real Força Aérea em prover as necessidades de mobilidade de sua grande nação, e nós estamos gratos pela parceria com o Ministério da Defesa britânico e com a Força Aérea dos EUA que fez essa entrega possível em tão pouco tempo.”

“A capacidade da frota de transporte aéreo da RAF aumentou com esta última entrega, e é apoiado por um programa abrangente de serviços de apoio logístico”, disse o Diretor da Boeing Defense no Reino Unido, Mike Kurth. “Como parte da frota C-17 em todo o mundo, os C-17 da RAF são apoiados através do Programa Integrado de Apoio ao Boeing C-17 Globemaster III (GISP), um acordo de Logística baseada em desempenho. O apoio à RAF através do GISP resultada em arranjar uma taxa de missão capaz excelente, uma com o mais baixo custo por hora de voo”.

Nenhum comentário:

Postar um comentário