sábado, 26 de maio de 2012

Coreia do Sul deve decidir compra de novos caças e helicópteros em outubro


A Coreia do Sul vai selecionar em outubro os fornecedores das novas aeronaves militares avaliadas em bilhões de dólares, disse um porta-voz no dia 25 de maio, apesar dos apelos do principal partido da oposição para realizar novas avaliações.

O porta-voz da Administração do Programa de Aquisição de Defesa do Estado (DAPA) disse que as compras serão de 60 caças stealth, 36 helicópteros de ataque e oito helicópteros para Marinha.

“Pretendemos anunciar os nomes dos fornecedores em outubro”, disse o porta-voz, enquanto as tensões entre as nações do Norte e do Sul, e seus aliados continuam a se elevar sobre os programas nucleares e de mísseis da Coréia do Norte.

O contrato para os caças stealth está avaliado em US$ 6,7 bilhões, disse ele. Os caças Lockheed Martin F-35 Lightning II, Boeing F-15E Silent Eagle, o Eurofighter Typhoon e o Sukhoi PAK FA da Rússia estariam competindo para o negócio.

Cerca de US$ 1,5 bilhão será destinado à aquisição de 36 helicópteros de ataque, com o Apache da Boeing, o Tiger da Eurocopter e o T129 da Turquia na competição, disse o porta-voz.

A aquisição de armas em massa planejada foi trazida para o último ano da presidência do presidente Lee Myung-Bak, e provocou críticas da oposição.

O Partido Democrático Unido pediu ao governo para não se apressar nos programas.

“Aprofundar o estudo e a análise são necessários antes do governo levar adiante a compra de armas. Se necessário, este projeto deve ser entregue ao próximo governo”, disse num comunicado esta semana.

A Coreia do Sul já comprou 60 caças F-15 não stealth da Boeing desde 2002, nas duas primeiras fases de um programa de modernização de caças.

Fonte: DefenseNews

Nenhum comentário:

Postar um comentário