quarta-feira, 20 de junho de 2012

Força Aérea do Equador recebe último lote de caças Cheetah


Todos os 12 caças supersônicos Cheetahs da África do Sul vendidos para o Equador concluiram com êxito seus vôos de testes, e agora estão prontos para entrar em operação na Força Aérea Equatoriana.

Riaz Saloojee, o Chefe Executivo do Grupo de Denel, disse que a venda dos 10 caças Cheetah C (monoplace) e dois Cheetah D (biposto) está concluída, e os caças foram entregues para a completa satisfação do cliente.

A Denel Aviation vai continuar a proporcionar uma manutenção completa e serviço de apoio à Força Aérea Equatoriana (FAE) pelos próximos cinco anos, com opção de renovação.

“Esta é uma interessante oportunidade de negócio para Denel Aviation”, disse Saloojee. “Nós vendemos com sucesso um avião de caça que foi desenvolvido na África do Sul, e foi usado localmente por muitos anos, para um grande cliente internacional. A nossa futura parceria com a Força Aérea Equatoriana proporcionará uma importante plataforma para mostrar as capacidades locais para trabalhos de manutenção, reparo e revisão geral (MRO) para o resto do mundo”, disse Saloojee.

Mike Kgobe, o CEO da Denel Aviation disse que o acordo para entregar os 12 caças foi assinado na capital equatoriana, Quito, em novembro de 2010. O governo do Equador decidiu comprar os Cheetahs, como parte de um programa para modernizar sua frota de aeronaves.

Os Cheetahs foram entregues em quatro lotes, com o embarque final concluído no início deste ano. Antes de despachar os aviões, eles foram recolocados em voo e testados, antes de serem desmontados no local para embarque e, então, cuidadosamente remontados e testados em vôo no Equador.

A Denel Aviation ofereceu apoio técnico e logístico para as equipes locais que realizaram os testes no Equador. Os pilotos equatorianos e o pessoal de apoio em terra também recebeu extenso treinamento de conversão para voar e manter os aviões sul-africanos.

“Todos os rigorosos testes já foram concluídos e os Cheetahs foram declarados com capacidade operacional”, disse Kgobe.

Kgobe disse que um marco significativo foi alcançado no dia 17 de Maio de 2012, quando sete dos caças equatorianos decolaram simultaneamente durante um voo para marcar a entrega do comando da força aérea do país para o General Brigadeiro Enrique Velasco.

A Denel Aviation é a empresa responsável pelo projeto do caça de assento único, que foi desenvolvido localmente como uma variante do Mirage III na década de 1980. Os Cheetahs da Denel foram retirados do serviço ativo após a aquisição da África do Sul de sua nova frota de caças Saab Gripen.

As negociações entre a Denel Aviation, a Armscor e a FAE iniciaram em 2009. Uma equipe equatoriana visitou a África do Sul em abril de 2010 para inspecionar a frota de caças Cheetah e participar de específicos vôos de avaliação.

A Denel Aviation posteriormente visitou as instalações da FAE para rever a infra-estrutura e a capacidade técnica da Força Aérea Equatoriana para acomodar as aeronaves Cheetah, e para avaliar o nível de apoio necessário e identificar a necessidade de mais treinamento.

Nenhum comentário:

Postar um comentário