quinta-feira, 21 de junho de 2012

Pentágono anuncia pedido da última aeronave C-17 para USAF


A Força Aérea anunciou nessa terça-feira, dia 19 de junho, que entregou a Boeing um contrato avaliado em cerca de US$ 171 milhões para fabricação do 224° avião de transporte militar C-17 Globemaster III para Força Aérea dos EUA. Essa será a última aeronave C-17 fabricada para os EUA.

Com previsão para ser terminada em maio de 2013, a 224ª aeronave visa substituir um C-17 que caiu em julho de 2010 no Alasca, deixando a USAF com a frota planejada de 223 C-17s.

A Força Aérea dos EUA dei início a um novo estudo de 9 meses de duração para avaliar sua frota de mobilidade aérea sob a administração Obama, focada na estratégia de defesa do Pacífico. Mas ao que tudo indica não devem ser adquiridas novas aeronaves de transporte aéreo estratégico.

O Chefe do Estado-Maior da Força Aérea dos EUA, General Norton Schwartz, disse em março que a análise preliminar indicava que uma capacidade de 29,4 milhões de toneladas-milhas por dia é necessário, e que a frota atualmente programada – incluindo os 223 C-17s – fornecem “um pouco mais do que a USAF entende ser o necessário.”

A Boeing deve manter aberta a linha de produção do C-17 através de vendas adicionais às nações estrangeiras, incluindo Índia, Emirados Árabes Unidos e Reino Unido.

Nenhum comentário:

Postar um comentário