sábado, 11 de agosto de 2012

Piloto da USAF atinge a marca de 1.000 horas de voo no avião U-2S


É difícil hoje em dia um piloto alcançar a marca de 1.000 horas de voo num único tipo de aeronave. Mas no dia 7 de agosto, o tenente-coronel Andrew McVicker, comandante do 99° Esquadrão de Reconhecimento Expedicionário atingiu essa marca numa aeronave de reconhecimento U-2S Dragon Lady.

O tenente-coronel Andrew McVicker.
A aeronave Lockheed U-2S, apelidada de Dragon Lady, tocou no solo numa base so sudoeste asiático no dia 7 de agosto, com o tenente-coronel Andrew McVicker nos controles. O tenente-coronel e a aeronave U-2S estão destacados junto a 380ª Ala Expedicionária Aérea. McVicker é integrante da 9ª Ala de Reconhecimento sediada na Base Aérea de Beale, na Califórnia.

O tenente-coronel Andrew McVicker agora ostenta uma nova “bolacha” com a marca de 1.000 horas de voo junto a sua unidade.

A Força Aérea dos EUA possui ainda 26 aviões de reconhecimento estratégico Lockheed U-2S, que permanecem destacados em diversas bases espalhadas pelo mundo atuando em áreas de conflitos e também para ajuda em desatres ecológicos como nos terremotos no Japão e no Haiti.

Nenhum comentário:

Postar um comentário