sexta-feira, 21 de setembro de 2012

FAB envia C-130 para combater incêndios no Equador


A Força Aérea Brasileira (FAB) enviou ao Equador nesta quinta-feira (20) uma aeronave Hércules C-130 para ajudar a combater uma série de incêndios florestais que afetam várias províncias do país. A solicitação de envio da aeronave da FAB foi feita ao Ministério das Relações Exteriores pelo governo do Equador. Essa é a primeira missão do tipo que a FAB realiza fora do país.

O C-130 Hércules do Primeiro Grupo de Transporte de Tropa (1º GTT) da FAB conta com um sistema de contenção de fogo que pode lançar até 12 mil litros de água em uma área de 500 metros de extensão e 50 metros de largura. A aeronave da FAB já realizou um voo na manhã desta sexta-feira (21).

“A intenção é evitar que as chamas cheguem à cidade de Quito. O fogo está espalhado por uma região muito montanhosa, que cerca o vulcão Guagua Pichincha”, conta o Tenente-Coronel Marco Antonio Parreiras, comandante do 1º GTT.

O lançamento por meio de pressão dura poucos segundos e a própria inércia se encarrega de espalhar a água sobre o fogo. Após o lançamento a aeronave retorna ao chão para receber um novo carregamento de água. O processo de recarga dura cerca de doze minutos.

Os incêndios florestais já queimaram cerca de nove mil hectares de florestas e pastos, segundo o governo equatoriano. Em Quito, o cenário é mais complexo. Desde 1º de junho foram registrados cerca de 2.400 incêndios que arrasaram cerca de 2.300 hectares de florestas, segundo a prefeitura da capital.

As altas temperaturas e os fortes ventos contribuíram para a propagação do fogo. A previsão é que possam ocorrer chuvas a partir da próxima semana.

Fonte: Agência Força Aérea

Nenhum comentário:

Postar um comentário