quinta-feira, 18 de outubro de 2012

Novo modelo de aeronave da NASA aponta direção para futuro da aviação supersônica


A NASA divulgou hoje uma imagem de uma aeronave em escala que vem sendo estudada para diminuir o ruído sônico gerado pelos voos supersônicos, um dos passos determinantes para o retorno dos voos acima da velocidade do som para passageiros.

No final de setembro, um modelo em escala projetado pela Boeing, e com grande potencial futuro para atingir o objetivo da redução significativa do ruído sônico, foi instalado para testes no túnel de vento supersônico do Glenn Research Center da NASA, em Cleveland.

O modelo da imagem é o maior entre os dois que estão sendo usados no teste, e contém um sensor para medir as forças de sustentação e arrasto. Dependendo do tipo de ensaio e do túnel, o modelo pode ser orientado de qualquer maneira. Na imagem acima a aeronave em escala está de cabeça para baixo.

O outro modelo menor foi utilizado para capturar as medições das pressões externas a fuselagem, que criam o estrondo sônico.

Os testes estão entre os que estão sendo realizados pela NASA e seus parceiros para identificar as tecnologias e projetos para alcançar um nível de estronto sônico tão baixo que quase não é perceptível em edifícios e pessoas abaixo da aeronave.

Nenhum comentário:

Postar um comentário