sábado, 10 de novembro de 2012

Arábia Saudita pretende adquirir 20 aeronaves de transporte C-130J-30s e 5 KC-130Js


A Agência de Cooperação de Segurança e Defesa (DSCA) notificou o Congresso dos EUA no dia 8 de novembro de uma possível Venda Militar Estrangeira (FMS) para o Reino da Arábia Saudita de 20 aeronaves de transporte C-130J-30 e cinco aviões de reabastecimento aéreo KC-130J, bem como equipamentos associados, peças, treinamento e logística apoio a um custo estimado de US$ 6,7 bilhões.

O Reino da Arábia Saudita (KSA) solicitou a possível venda de 20 aviões C-130J-30, 5 KC-130J, 120 motores Rolls Royce AE2100D3 (100 instalados e 20 sobressalentes), 25 sistemas multifuncionais de distribuição de informações Link-16, equipamentos de apoio, peças de reposição e reparação, treinamento de pessoal e equipamentos de treinamento, publicações e dados técnicos, assistência do governo dos EUA, e outros apoios logísticos relacionados.

Esta proposta de venda de ativos C-130J-30 e KC-130J contribuirá para a política externa e de segurança nacional dos Estados Unidos, ajudando a melhorar a segurança de um país amigo que tem sido, e continua a ser, uma força importante para estabilidade política e progresso econômico no Oriente Médio.

A Arábia Saudita precisa dessas aeronaves para apoiar a sua antiga frota, que enfrenta crescente obsolescência. A proposta de venda de aeronaves C-130J e KC-130J irá fornecer uma configuração moderna, melhorar a confiabilidade e aumentar a capacidade da Real Força Aérea Saudita para efetivamente implantar em campo, melhor apoio e emprego dessas aeronaves.

Implementação desta venda vai exigir a atribuição de Governo dos EUA e de representantes do contratante para o Reino da Arábia Saudita para a entrega, verificação do sistema e apoio logístico por um período indeterminado de tempo.

Os principais contratantes serão a Lockheed Martin, de Bethesda, Maryland; a General Electric Aviation Systems em Sterling, Virginia e a Rolls Royce Corporation, de Indianapolis, Indiana. Não existem propostas de acordos de compensação conhecidas em conexão com esta potencial venda.

Nenhum comentário:

Postar um comentário