quinta-feira, 3 de janeiro de 2013

Boeing 737 MAX passa das 1.000 encomendas com pedido da Aviation Capital Group


A Boeing anunciou hoje uma encomenda pela Aviation Capital Group (ACG) para 60 aviões 737 MAX. O pedido da ACG é composto de 50 737 MAX 8s e 10 737 MAX 9s, foi finalizado em dezembro de 2012. O 737 MAX, com essa encomenda da ACG, já acumulou mais de 1.000 pedidos até à data.

“Este pedido é um grande passo na construção de nosso amplo portfólio de modernos e econômicos aviões”, disse Denis Kalscheur, executivo-chefe da ACG. “O 737 MAX nos permite oferecer aos nossos clientes os aviões que fornecem uma eficiência no consumo de combustível, confiabilidade e conforto aos passageiros, características necessárias para crescer no mercado futuro.”

A encomenda, de US$ 6 bilhões pelos preços correntes, ilustra ainda mais a forte demanda para o 737 MAX na indústria de leasing de aeronaves.

“Estamos orgulhosos da confiança que a ACG colocou no 737 MAX”, disse John Wojick, vice-presidente sênior de Vendas Globais da Boeing Commercial Airplanes. “O 737 MAX vai entregar aos clientes da ACG uma eficiência inigualável no mercado de aviões de corredor único, bem como um melhor desempenho ambiental.”

Estas eficiências têm feito com que o 737 MAX chegasse nesse marco impressionante. Com a encomenda da ACG, o 737 MAX já tem encomendas de companhias aéreas e empresas de leasing para 1.029 aviões em todo o mundo.

“Chegar a 1.000 unidades num espaço de tempo de pouco mais de um ano a partir de nosso primeiro pedido demonstra o valor excepcional que o 737 MAX oferece aos nossos clientes”, disse Bob Feldmann, vice-presidente e gerente geral do 737 MAX. “Os clientes estão expressando a confiança na nossa capacidade de oferecer um melhor desempenho dentro do prazo.”

Nenhum comentário:

Postar um comentário