sábado, 16 de fevereiro de 2013

Northrop Grumman inicia nova fase de modernização dos sistemas de defesa do B-2


A Northrop Grumman Corporation vai ajudar a reduzir os custos e acelerar a disponibilidade de um novo hardware e atualizações de software para os bombardeiros stealth B-2 Spirit, através de um contrato recentemente recebido da Força Aérea dos EUA.

O contrato cobre a Fase 2 de Desenvolvimento de Tecnologia (TD) de um esforço de vários anos da Northrop Grumman para modernizar o sistema de gestão defensiva (DMS) do B-2. A Fase 2 do Desenvolvimento de Tecnologia está prevista para durar cerca de três anos.

O DMS é um sistema de guerra eletrônica que inclui várias antenas e processadores de vídeo. A Northrop Grumman é a principal contratante do B-2 para Força Aérea, o carro-chefe do arsenal de ataque de longo alcance do país.

“A Fase 2 é a pedra angular de uma iniciativa de aquisição rápida que a Northrop Grumman e o governo desenvolvem para reduzir os custos de modernização do DMS para o B-2 e acelerar a disponibilidade das últimas tecnologias para a aeronave”, disse Lauren Stevens, diretor da companhia para equipe de produtos integrados para modernização do DMS para o B-2. “Em vez de depender de um novo hardware e do desenvolvimento de software, a nossa iniciativa aproveita maduros e comprovadas tecnologias. Ela minimiza os custos não recorrentes, e reduz o tempo e os riscos tecnológicos associados a colocar em campo novas capacidades.”

A modernização DMS inclui um novo processador gráfico de aviônicos que está sendo desenvolvido pela Lockheed Martin Mission Systems and Training, Owego, NY, e antenas novas, que estão sendo desenvolvidas pela L3 Randtron, Menlo, Park, na Califórnia, e Ball Aerospace, em Boulder, Colorado

A Northrop Grumman serve como integradora do sistema do B-2 e desenvolvedora da arquitetura que determina a forma como o avião responde a ambientes de ameaça. Neste papel, a empresa vai integrar todo o novo hardware e software DMS requisitado para o jato.

“As atualizações DMS demonstram como a Northrop Grumman está usando a inovação e engenharia pensadas para atender e cumprir metas chaves de acessibilidade do Departamento de Defesa”, explicou Ron Naylor, diretor da Modernização e Transformação de Sistemas do B-2 da Northrop Grumman Aerospace. “Eles também ajudam a garantir que o B-2 continuará a ser o sistema nacional de ataque com mais capacidade de sobrevivência e mais eficaz a longo prazo para lidar com ameaças inimigas sofisticadas.”

A Fase 2 de Desenvolvimento de Tecnologia do programa de modernização DMS vai incluir o desenvolvimento continuado e testes de hardware e software para os novos sistemas, avaliação, seleção de finalistas e adjudicação do contrato para as novas antenas do DMS e preparar a Northrop Grumman e seus fornecedores para a próxima fase de modernização DMS, conhecido como engenharia, fabricação e desenvolvimento (EMD).

Como parte de seu plano para reduzir custos e os cronogramas para implantação, a Northrop Grumman antecipou muitas tarefas de engenharia significativas da fase 2 normalmente realizadas durante a EMD. A EMD está prevista para começar no final de 2014.

Nenhum comentário:

Postar um comentário