terça-feira, 27 de agosto de 2013

Pacific Avionics & Instruments garante contrato de apoio para frota de helicópteros Black Hawk da FAB

A subsidiária do Grupo IMP, Pacific Avionics & Instruments, garantiu um contrato para o fornecimento de serviços de apoio para a frota de helicópteros UH-60 Black Hawk da Força Aérea Brasileira (FAB).

Premiada pela Comissão Aeronáutica Brasileira, o contrato de US$ 2,2 milhões abrange a prestação de serviços de apoio para a aviônica, instrumentos e equipamentos de teste de apoio em terra dos helicópteros.

O vice-presidente e gerente geral da Pacific, Gordon Bott disse que receber o contrato reafirma a posição da empresa em serviços de apoio em aviônicos.

“Depois de quase 50 anos neste negócio, temos a experiência para fornecer serviços mais ágeis e mão de obra de qualidade para aviônicos civis e militares,” disse Bott.

Como parte do contrato, a empresa também enviou funcionários para permanecer full-time no Brasil para lidar com a logística e comunicações com as autoridades locais envolvidas.

Cerca de 15 helicópteros UH-60L Black Hawk foram encomendados pela FAB da Sikorsky num acordo de vendas militares externas (FMS) dos EUA.

Entregue em março de 2011, os dois primeiros helicópteros são operados atualmente pelo Esquadrão Pantera da FAB, Na Base Aérea de Santa Maria, no apoio às operações de busca e salvamento (SAR), de ajuda humanitária e combate ao narcotráfico na região amazônica.

Alimentado por dois motores General Electric T700-GE-701, os helicópteros UH-60 Black Hawk são projetados para conduzir missões de transporte tático de tropas e de material, evacuação médica, comando e controle, busca e salvamento, escolta armada, guerra eletrônica e de transporte executivo.

Capaz de transportar até 11 pessoas de um esquadrão de infantaria totalmente equipado, o helicóptero também pode ser configurado para realizar assalto aéreo e operações especiais.

Além do Brasil, os Black Hawks também estão operacionais com os EUA, Argentina, Austrália, Colômbia, Grécia, Japão, Coréia do Sul, Arábia Saudita, Tailândia, Filipinas e Espanha, entre outros.

O período de execução do contrato e mais detalhes não foram divulgados.

Nenhum comentário:

Postar um comentário