segunda-feira, 7 de outubro de 2013

Nova espionagem vem a tona e Russia pode vender ao Brasil Armas Nucleares!

O Ministério de Minas e Energia do Brasil foi espionado por agentes canadenses e norte-americanos, segundo documentos vazados por Eduardo Snowden, ex-técnico de tecnologia da NSA (Agência Nacional de Segurança), e entregues ao jornalista norte-americano Glenn Greenwald.

Esta é a terceira reportagem do Fantástico, da rede Globo, produzida em parceria com o jornalista do britânico "The Guardian" sobre as espionagens do governo brasileiro por parte da gestão de Barack Obama.

A estrutura do ministério foi completamente mapeada pelos espiões estrangeiros, e a rede de comunicações da pasta, como telefonemas, e-mails e uso da internet, rastreada --isto é, eles descobriram quais pessoas do órgão conversaram com quem, quando, onde e como.

No entanto, os documentos de Snowden não indicam se o conteúdo foi acessado pelos agentes. Memorando vazado determinava que o acesso aos conteúdos fosse feito em uma fase subsequente.

As informações foram apresentados em uma reunião da Agência Canadense de Segurança em Comunicação (CSEC, na sigla em inglês) em junho de 2012 durante uma conferência do "Five Eyes", grupo que engloba as agências de espionagem dos Estados Unidos, da Inglaterra, do Canadá, da Austrália e da Nova Zelândia.

Uma fonte do governo Brasileiro que não quis se identificar passou a seguinte noticia, A Russia estará Oferecendo armas Nucleares em troca da um comercio livre entre os dois Países, Juntamente com caças, submarinos nucleares, Radares e armamento bélico ao Exercito Brasileiro.

Nota: Se realmente se confirmar essas noticias, o Brasil  vai deixar de ser um País (PASSIVO), e poderá responder a qualquer país de primeiro mundo com armas nucleares e uma ação de igualdade a eles, vamos aguarda sobre mais noticias.

Nenhum comentário:

Postar um comentário