sábado, 14 de dezembro de 2013

Rússia vai desenvolver um caça leve


A Rússia deverá começar logo o desenvolvimento de um avançado caça a jato leve para complementar o caça de quinta geração T-50 pesado, disse um alto oficial do governo na quarta-feira.

Espera-se que a nova aeronave seja mais barata de produzir e fácil de manter, mas que também possuirá capacidade de combate e performance comparável aos caças mais pesados.

“O desenvolvimento do novo caça leve foi incluído no novo programa de aquisição de armas. Ele será criado”, disse que o Vice-Primeiro-Ministro Dmitry Rogozin, abordando a câmara baixa do Parlamento.

Rogozin, que supervisiona as indústrias de defesa e espaço, disse que os caças leves estão em maior demanda no exterior, em comparação com as aeronaves pesadas e avançadas, como os caças Su-30 e T-50 planejados.

A Rússia está atualmente desenvolvendo os caças T-50 multimissão pesados, também conhecidos como PAK-FA, que serão o núcleo da frota de caças russa. O T-50 deverá entrar em serviço com a Força Aérea da Rússia em 2016.

Rogozin, que primeiro expressou a ideia de desenvolver um segundo tipo de caça de quinta geração, em fevereiro de 2012, disse na quarta-feira que a Rússia sempre teve pelo menos dois tipos de caças táticos que, em geral, complementaram um ao outro. O exemplo mais recente é o par MiG-29/Su-27.

Rogozin não especificou qual dos dois principais designers de jatos de combate da Rússia – MiG ou Sukhoi – será responsável pelo desenvolvimento do futuro caça leve russo.

FONTE: RIA Novosti

Nenhum comentário:

Postar um comentário