quarta-feira, 18 de junho de 2014

Todos F-35 são impedidos de voar novamente por vazamento de óleo do motor

 O Pentágono “groundeou” temporariamente toda a frota de jatos F-35 Joint Strike Fighter, no início do fim de semana, após um dos jatos da versão B do USMC sofrer um vazamento de óleo do motor e ter declarado estado de emergência em voo.

Enquanto a suspensão dos voos de testes na sexta-feira foi descrita por funcionários do programa F-35 como um movimento de precaução, é a segunda vez em 16 meses que problemas de motor obrigam toda a frota a ficar no chão. O problema ocorre a apenas duas semanas de o avião fazer sua primeira aparição internacional.
A fabricante de motores Pratt & Whitney, uma unidade da United Technologies Corp, disse que a maioria da frota de 104 jatos havia sido liberada para retomar os voos na tarde de sábado, após as inspeções de segurança impostas pelos gestores do F-35. O escritório do programa F-35 disse que foram encontrados problemas potenciais em mais dois jatos.

FONTE: Wall Street Journal

Nenhum comentário:

Postar um comentário