quarta-feira, 2 de julho de 2014

Marinha vai modernizar Super Lynx

  A AgustaWestland e a Marinha do Brasil assinaram um contrato para uma grande atualização de meia-idade de oito helicópteros Super Lynx Mk21A. O acordo avaliado em € 117  milhões, inclui a substituição dos motores originais pelos novos CTS800-4N, instalação de nova suíte de aviônicos, incluindo displays e suíte de missão. O contrato ainda prevê um pacote de suporte e treinamento.

A nova geração de motores CTS800-4N oferece grandes melhorias de desempenho em ambientes altos e quentes, permitindo aumento da carga útil e uma área de operação estendida. A nova suíte de será complementada por um conjunto de sistemas avançados que compreende um processador tático, sistema de navegação via satélite, TCAS e sistema de pouso por instrumento, vigilância eletrônica, entre outras. O novo cockpit é totalmente compatível com Night Vision.

O processo será iniciado em meados de 2015, com as primeiras células sendo enviadas para a unidade da AgustaWestland em Yeovil, Reino Unido. O primeiro helicóptero deve voltar ao serviço no segundo semestre de 2017, após a conclusão das atualizações e certificação. O lote completo de aeronaves deverá ser totalmente entregue no início de 2019.

As atualizações permitirão à Aviação Naval atingir uma melhoria significativa em suas capacidades, com melhor desempenho, alcance e eficácia operacional de missão da aeronave.

Fonte: Revista Aero Magazine

Nenhum comentário:

Postar um comentário