sexta-feira, 29 de agosto de 2014

O grande treinador North-American T-6 Texan

   O North-American T-6 é um avião monomotor, de trem de pouso convencional, retrátil, destinado à instrução e ao treino de pilotos e também, utilizado em combate em diversos cenários como a Segunda Guerra Mundial, a Guerra da Coreia e mais recentemente na Guerra do Ultramar Português.
A denominação T-6 Texan pela qual o avião ficou famoso, só foi adotada pela Força Aérea dos Estados Unidos em 1948. Até aí, as suas várias versões tiveram várias designações, seja de fábrica seja dos diversos utilizadores.

   Em 1936 a Marinha dos Estados Unidos encomendou cerca de 40 aviões à North American Aviation para instrução dos seus pilotos. O protótipo desta aeronave recebeu a designação de fábrica NA-16. Rapidamente e principalmente pela característica de possuir o trem retrátil, o fabricante começou a receber inúmeras encomendas, das três forças armadas americanas. O Exército alterou a designação para AT-6.

   Iniciou-se a produção em grandes quantidades em 1941, produzindo-se cerca de 1.200 aviões.
Quando a Segunda Guerra Mundial começou, a Força Aérea dos Estado Unidos dispunha de mais de 2.000 aviões AT-6 em serviço.

   Em 1947, foi o avião escolhido para a instrução básica de pilotagem. Em 1948 começaram a aparecer aviões ostentando uma nova designação, o T-6G Texan que apresentava algumas inovações como depósitos com maior capacidade, um novo painel de instrumentos com melhores instrumentos de navegação, etc.

Sob licença, os canadenses fabricaram este tipo de avião, com o nome Harvard.

   Foi um dos aviões mais utilizado pelas diversas forças armadas mundiais. No Brasil, inclusive, a nacele do piloto foi modificada pelo piloto veterano da Segunda Guerra Mundial Pedro de Lima Mendes. O T-6 vinha causando muitos acidentes aéreos no Brasil, e em muitos deles o piloto não conseguia saltar por não conseguir expelir a nacele. Vendo isso, Lima Mendes projetou um novo tipo de nacele para o T-6, enviando o protótipo para a North American, cujo modelo passou a ser usado no mundo todo. Porém, em 1947, Lima Mendes morreu em um acidente aéreo envolvendo dois T-6, não conseguindo saltar por um problema na nacele que havia criado.
Existiram numerosas variantes do T-6, algumas das quais foram as seguintes:

NA-16 - protótipo inicial, com trem de pouso fixo, sem carenagem e motor de 225 CV.
NA-16-1E - versão com trem de pouso retrátil do NA-16.
NA-19/ BT-9 - 42 exemplares de instrução básica encomendados pelo Exército dos Estados Unidos e ali designados como BT-9.
BT-9A/ BC-1B - versão armada desenvolvida para o Exército dos Estados Unidos do BT-9, depois BC-1B.
NA-23/ BT-9B - versão com uma nova asa e nova cauda do BT-9ª.
NA-26/ BC-1 - redesenho do BT-9 com uma nova asa, nova cauda e fuselagem inteiramente em metal.
NA-33/ Wirraway - versão de reconhecimento armado do BC-1 produzida na Austrália e ali conhecida como Wirraway.
NA-56/ BT-9B - Versão para a China do BT-9.
NA-57/ BT-9B - Versão para a França do BT-9.
NA-41/ BT-9C - Versão para o Exército dos Estados Unidos.
NA-48 - Versão do NA-26 para a China.
NA-58/ BT-14 - versão com a fuselagem inteiramente em metal para o USAAC.
NA-64/ BT-14A - versão do BT-14 destinados à França.
NA-49/ Harvard I - 400 exemplares do NA-26 destinados à RAF e ali designados Harvard I.
NA-59/ BC-1A/ AT-6/ SNJ-1/ Harvard II - versão com trem de pouso retrátil do NA-48. Inicialmente designado no Exército Americano BC-1 e, depois, AT-6. Denominado SNJ-1 na Marinha dos EUA e Harvard II na RAF.
SNJ-2 - versão desenvolvida do SNJ-1.
NA-54/ BC-2 - desenho modificado do BC-1.
NA-77/ AT-6A/ SNJ-3 - desenvolvimento do NA-59.
NA-84/ AT-6B - versão de treino de tiro.
NA-88/ AT-6C/ SNJ-4/ Harvard IIA.
AT-16/ Harvard IIB.
T-6D/ SNJ-5/ Harvard III - programa de modernização do AT-6 com nova cabine, nova hélice, nova roda de cauda e maiores tanques de combustível. Passou a denominar-se na Força Aérea dos Estados Unidos T-6D Texan.
NA-121/ AT-6F/ SNJ-6.
NA-168/ T-6G/ SNJ-7 - modernização do T-6 iniciada em 1949 e denominada T-6G Texan pela Força Aérea dos Estados Unidos.
NA-186/ T-6J/ Harvard 4 - versão produzida no Canadá até 1954.
Fonte: Wikipédia
Vídeo: Jeff Quitney

Nenhum comentário:

Postar um comentário