quarta-feira, 31 de dezembro de 2014

Ex-vice-presidente da KoreanAir é presa por episódio com noz

   A ex-vice-presidente da Korean Air, Cho Hyun-Ah, foi detida nesta terça-feira por ter expulso um comissário de bordo do avião antes de um voo entre Nova York e Seul, devido a um motivo fútil, informou a TV sul-coreana.

Cho Hyun-Ah, então vice-presidente executiva da companhia sul-coreana, exigiu que o chefe da equipe de comissários de bordo fosse substituído quando o avião já se dirigia para a pista de decolagem.
A executiva, de 40 anos, ficou irritada porque recebeu macadâmia, quando não havia pedido, e principalmente porque as nozes foram servidas não em um prato, e sim em um saquinho plástico.

Depois de afastado o chefe dos comissários, o avião finalmente decolou e chegou a seu destino com 11 minutos de atraso, no dia 5 de dezembro.

Nesta terça-feira, a rede de televisão YTN exibiu imagens de Cho sendo levada para a prisão. A mulher, desanimada, disse que sentia pelo incidente.

Cho Hyun-Ah, filha do presidente da Korean Air, Cho Yang-Ho, foi acusada de violar as normas de segurança da aviação, coação e interferência no serviço aéreo.

Fonte: Exame

Nenhum comentário:

Postar um comentário