sexta-feira, 13 de março de 2015

MiG-31 Russos vão ficar em serviço até 2026

   Os Mykoyan MiG-31 Foxhound aeronaves interceptoras supersônicas vão ficar em serviço com a Força Aérea da Rússia até 2026, disse o chefe da corporação MiG na quarta-feira.

De acordo com o Ministério da Defesa da Russia eles tem mais de 120 MiG-31 em serviço e mais aeronaves na reserva.

O MiG-31 o caça-interceptor mais rápido em serviço que em qualquer lugar do mundo, tem sido objecto de uma atualização completa para MiG-31BM standard, as aeronaves MiG-31 são capazes de executar todas as tarefas dentro de um raio de 4.000 km ( 2.500 milhas), disse Korotkov.

O MiG-31 é um interceptor do jato supersônico de longo alcance. A aeronave de dois lugares pode interceptar alvos em até 200 quilômetros (124 milhas) de distância graças ao seu radar e avançados mísseis de longo alcance. Ele pode operar com eficiência em todas as condições meteorológicas e está equipado com state-of-the-art aviônicos digitais.

O MiG-31 foi usado pela primeira vez na Força Aérea Soviética, em 1981. A produção da aeronave terminou em 1994, mas ele permanece em serviço nas forças aéreas russas e cazaques.

Fonte: Sputnik Moscou

Nenhum comentário:

Postar um comentário