domingo, 14 de outubro de 2018

Meeting de 50 anos da EVAA em Salon-de-Provence


              Os eventos aéreos na França ainda são um referencial para todos os profissionais e aficionados da aviação, e, mais uma vez a aviação francesa militar e civil se une para a realização de um meeting excepcional, nessa ocasião em especial para a  comemoração dos 50 anos da EVAA, a Equipe de Voltige de l’Armée de l’Air, que é a equipe acrobática de alto desempenho da Armée de l'Air (Força Aérea Francesa).  Realizando um belo espetáculo, que contou com a presença de inúmeras atrações apesar da falta de algumas aeronaves e times convidados, isto devido às restrições da meteorologia em outras regiões, mas no local contamos com condições de bom tempo que permitiram um céu "cavok" sobre o aeródromo, mais uma vez a Arméé de l'Air e seus parceiros civis ofereceram um evento de qualidade, à altura do glamour que a aviação européia é conhecida.




              A data foi aproveitada no ultimo sábado dia 06 de outubro para dar o devido destaque e respeito à memória de integrantes e ex-integrantes da EVAA que já faleceram, e que deixaram todo um legado para as futuras gerações de militares e civis ligados à acrobacia aérea na França.  A cerimonia foi realizada no pátio principal antes das apresentações e competições aéreas, com uma solenidade emocionante que recebeu a presença dos Comandantes da Brigada de Aviação de Caça da Armée de l’Air, do General Comandante da Base Aérienne 701 & École de l’Air, e, de um grande número de convidados VIPs ligados ao meio aeronáutico,  que, incluindo os convidados diversos, reuniram aproximadamente 2.500 pessoas na àrea do patio de manobras da Base Aerienne 701 destinado a recepção de todos.

              O local do evento, a Base Aérienne 701 de Salon-de-Provence é mais conhecido por ser a base da Patrouille de France desde 1964 quando da sua reorganização e criação oficial, porém a base de Salon-de-Provence abriga desde 1931 a “École de l’Air” (Academia de formação de oficiais da Força Aérea Francesa) e essa já possuía a sua esquadrilha acrobática desde então, formada por instrutores da mesma, estrutura essa que com o passar dos anos se aperfeiçoou até a formação definitiva da EVAA em 1968 com a integração da EVA (Equipe de Voltige Aerienne), originària da ALAT (Aviation légere de l'Armée de Terre - aviação leve do Exército Francês).

              Aberto somente para convidados do meio aeronáutico diretamente ligados às atividades da EVAA e indicados dessas instituições, esse evento chamou a atenção de maneira muito positiva devido à estrutura montada pela “FOSA” (Fondation des ouvres sociales de l’Air) para receber e organizar quase 200 spotters que se inscreveram previamente para obter um acesso  à uma área exclusiva, para com isso,  fotografar a movimentação de aeronaves no pátio operacional e na pista, em boas condições de visibilidade e em um belo ambiente de amizade. Tudo isso organizado pela pessoa do Sr. Hervé Portenseigne, o responsável da FOSA por essa organização para esse  evento, e, equipe de voluntários civis ligados à FOSA e de militares da BA 701. Preciso destacar que os valores que são pagos pelos spotters para a participação nos eventos aéreos, são todos destinados as obras sociais filantrópicas que a FOSA organiza na França.


FOSA (Fondation des ouvres sociales de l’Air).

Sobre a EVAA – Equipe de Voltige de l’Armée de l’Air

              A EVAA é uma das mais antigas do mundo em sua categoria e possui uma história tão rica quanto as demais equipes acrobáticas pelo mundo, e, como não poderia deixar de ser, além de uma grande escola, é uma fábrica de campeões do voo acrobático mundial. A data oficial de sua criação é o dia 1o de março de 1968, quando da chegada à Base Aerienne 701 de Salon-de-Provence de duas aeronaves Stamp SV-4 que formavam a então conhecida "EVA" (Equipe de Voltige Aérienne) que tinha sua origem na ALAT (aviação leve do Exército).
Extra 330 SC

              Nomes conhecidos na atualidade da acrobacia aérea como   Alexandre Orlowski, Claude Bessière, François Le Vot e Renaud Ecalle, formam a atual lista de campeões egressos das fileiras da  EVAA, estes seguidos de uma lista enorme que desde sua criação oficial por decreto em 1968, o que necessitaria de outra matéria para tal detalhamento. Desde 2008 a EVAA utiliza aeronaves Extra 330, sendo dois SC (monoplace) e dois LC (biplace).

Os pilotos da equipe operacional na atual temporada são:

- CAPITAINE PIERRE VARLOTEAUX COMMANDANT DE L'EQUIPE DE VOLTIGE DE L'ARMEE DE L'AIR 
- CAPITAINE ALEXIS BUSQUE PILOTE 
- CAPITAINE ALEXANDRE ORLOWSKI PILOTE 
- CAPITAINE VICTOR LALLOUE PILOTE 
- CAPITAINE SÉBASTIEN BERNEYRON PILOTE 
- LIEUTENANT FLORENT ODDON PILOTE 

Os mecânicos: 

- ADJUDANT-CHEF FRÉDÉRIC DELAMORT
- ADJUDANT FREDDY MOULIN
- SERGENT-CHEF OLIVIER POMMIER
- SERGENT-CHEF MORGAN PROTH

Os fotógrafos:

- SERGENT-CHEF VANESSA IMBER
- CAPORAL-CHEF LIONEL LEBARON

Planos de voo:

- Caporal-Chef Yacine, Caporal-Chef Eric

Administração:

- Adjudant Sophie, Sergent Valérie, Caporal-Chef Jennifer

Comunicação social

- Aspirant Lillian, Aspirant Emmanuelle, Lieutenant Arnaud, Aspirant Elise

Foto e vídeo imagens:

- Sergent-Chef Julien MORTREUIL, Adjudent-Chef Michel JOUARY

Diretores:

Lieutant-Colonel Bruno & Lieutenant-Colonel Eric
Sergent Florianne & Commandant Renaud

Antes de 2008 a EVAA operou uma variedade de aeronaves, sendo elas “ano/aeronave”:

- 2002-2005 - CAP 232
- 1999-2004 - CAP 232
- 1998-2005 - CAP 10 B
- 1990-1998 - CAP 231
- 1986-1990 - CAP 230
- 1977-1990 - CAP 10 B
- 1976-1990 - CAP 20
- 1970-1976 - CAP 20
- 1968-1970 - Stampe SV4

As aeronaves que se apresentaram e os eventos:

              Em um excelente mix de aviões civis e militares, o show aéreo foi muito bem organizado, com intervalos adequados entre as apresentações que permitiam uma boa descontração para o publico e uma operação segura para as equipes de apoio e pilotos presentes no evento. Entre aeronaves clássicas, caças de ultima geração, helicópteros civis e militares de ataque, a variedade marcou a qualidade do evento.

- Parachutistes de l'air/Paraquedistas da Força Aérea Francesa
- Pitts Bleu Ciel de Franck Soubrane
- Semi final do campoeonato de acrobacia aérea “Elite de l'Open de France/Aresti.
- Airbus H120 Calliopé Équipe de Présentation Hélicoptère Terre ALAT (Aviation Léger de l’Armée de Terre/Exército Francês)
- Rockwell OV10-A Bronco - Alain BES/Musée d'aviation de chasse de Montélimar.
- Sukhoi 26 - Castor Fantoba - Free Styler 
- EurocopterTigre Armée de l’Air.
- Vol commémoratif EVAA - Cap20 - Cap232 - Stampe - Extra em formação e performaçe.
- Alphajet (Armée de l’Air) solo display
- Final campeonato acrobático Elite Open de France - Aresti
- Démonstration du Rafale - CNE NATIVEL "Babouc"
- Démonstration voltige synchronisée EVAA – Equipe de Voltige de l’Armée de l’Air, Extra 330.
- Démonstration Patrouille de France.









Yam Wanders
Editor / Fotojornalista.



Imagens em destaque do evento:





































Nenhum comentário:

Postar um comentário