sexta-feira, 8 de maio de 2020

Ivan Kleshchev: O às soviético

IVAN IVANOVICH KLESHCHEV

         Ivan Ivanovich Kleshchev alcançaria fama principalmente como o comandante do grupo 434.1AP altamente bem sucedido, o regimento ao qual Vladimir Orekhov pertencia. Veterano do conflito de Khalkhin Gol no início da Guerra, Kleschchev, de 23 anos, inicialmente fez uma ação considerável sobre a frente Kalinin com o grupo 521.1AP, sendo recomendado para a medalha HSU em março de 1942 como resultado de sua bravura. Nas comemorações do primeiro de maio de 1942, Kleshchev foi lançado aos olhos do público, como resultado de um apelo emocionante por maiores recursos para permitir que, os regimentos de combatentes repelissem os bombardeiros alemães. A essa altura, ele tinha 6 vitórias e seu grupo 13 vitórias.


         Imediatamente após o discurso de Kleshchev, ele foi transferido para Moscou para formar o grupo 434.1AP, este regimento foi uma reposição de alguns dos melhores pilotos de caça que sobreviveram à defesa da capital no inverno anterior. Após o treinamento, o 434.1AP participou da defesa de Stalingrado com seus Yak-1s, o grupo foi bem sucedido durante o início do verão. No entanto, em julho, sofreu grandes perdas enquanto seus pilotos lutavam para tentar vencer os superiores Bf 109G.
Yak-1

         Confrontados com uma possível perda de todo o grupo, o regimento foi rapidamente reequipado com Yak-7s, que imediatamente voltou a ter igualdade de combate, já em 15 de Julho o grupo de Kleshchev reivindicou 32 aeronaves inimigas destruídas pela perda de 3 de seus próprios pilotos e 7 aeronaves em confrontos sobre o rio Don. No momento em que o 434.1AP foi finalmente retirado da linha de frente para recuperação e foi equipado com os Yak-9, a contagem do Maj Kleschchev durante a defesa de Stalingrado havia aumentado para 32 mortes, embora a divisão entre mortes do grupo não seja certa.
Yak-7

Yak-9

         O grupo 434.1AP voltou à ação em 16 de setembro de 1942, mas foi gravemente afetado apenas três dias depois, quando cinco pilotos foram perdidos e oito aeronaves abatidas, embora os soviéticos afirmassem ter destruído 19 aeronaves inimigas em troca. Kleschchev estava pilotando um dos Yak´s perdidos nesta ocasião, embora tenha escapado sem ferimentos. No entanto, ele não teve tanta sorte no dia 23 de setembro, pois foi forçado a abandonar seu avião depois de ser ferido em combate.

         Em novembro de 1942, o grupo 434.1AP havia se tornado parte do 32.Gv.1AP, embora nesse estágio Kleschchev tivesse sido temporariamente substituído por Semyonov devido aos seus ferimentos. Kleschchev finalmente retornou ao comando do 32.Gv.1AP no mês seguinte, mas seu retorno durou pouco. Na véspera de ano novo, ele morreu em um acidente aéreo por causa do mau tempo, enquanto tentava voar para Moscou.

Hugh Morgan
Traduzido e adaptado por Rock & Aircraft.

Nenhum comentário:

Postar um comentário