Rock & Aircraft em Oshkosh 2022

   No ano em que completa seus 10 anos de existência, o Rock & Aircraft pousa pela primeira vez no maior evento de aviação do planeta, o EAA Airventure na cidade de Oshkosh - Wisconsin. 

Por: João Fernando

   Estar em Oshkosh, é um sonho pra qualquer entusiasta da aviação e não poderíamos deixar de experimentar a sensação de participar desse espetáculo que há quase 70 anos enche a cidade por apaixonados pela aviação, vindos do mundo todo.  

   O evento foi realizado entre os dias 25 e 31 de julho no Wittman Regional Airport e sua 69ª edição também fez parte das celebrações dos 75 anos da Força Aérea dos Estados Unidos, a USAF. Várias aeronaves da Força Aérea marcaram presença no evento, como o C-17 Globemaster III, KC-135 Stratotanker, KC-46 Pegasus, F-16, A-10 Thunderbolt II, F-15 Eagle, entre outros que permaneceram em exposição estática na Boeing Plaza. Com o slogan “Unlike Anything Else” (Diferente de qualquer outra coisa), a edição de 2022 não deixou mesmo a desejar e os números são surpreendentes. Aproximadamente 650.000 pessoas participaram do evento, um número 7% maior que a edição de 2021 e também superando o recorde anterior de 642.000 em 2019.

   Somente no aeroporto de Oshkosh, foram 18.684 operações de aeronaves entre os dias 21 e 31 julho, uma média de aproximadamente 121 pousos e decolagens por hora. Com tantas aeronaves, logo é possível constatar o verdadeiro significado da faixa que é colocada na torre de controle, que diz: “World’s busiest control tower” (A torre de controle mais movimentada do mundo).

   Se você ama aviação, Oshkosh é um destino que você precisa ter em sua lista de lugares para conhecer na vida. Vale cada segundo e cada centavo investido. Lá é possível ter contato direto com vários clássicos da aviação mundial e da melhor forma possível, vendo a máquina viva ali na sua frente. Se em nosso país já é difícil de ver peças raras, mesmo em museus, ver as máquinas voando, é quase impossível. Simplesmente diferente de tudo que estamos acostumados.

   Algumas aeronaves, inclusive, com pouquíssimos exemplares ainda em operação, como é o caso da B-29, que atualmente só existem duas em condições de voo no mundo todo! E as duas abrilhantaram o evento. A DOC, esteve em exposição estática e realizou várias passagens e a FIFI, apenas fez passagens na vertical do aeroporto. 

Outro exemplar extremamente raro visto no evento, foi o de Havilland Mosquito, que restam apenas 3 ou 4 unidades voando, no mundo! 

   A variedade em OSH, realmente é muito vasta e lá podemos ver desde os mais antigos, como o Ford Trimotor, com seus quase incríveis 94 anos, até os modernos caças F-35, e quando mistura passado e presente voando juntos, é algo simplesmente fantástico de apreciar, como o F-35 voando em formação com os P-51, F-35 e EA-18G voando ao lado do Corsair e Skyraider. Indescritível!  

   E o que dizer dos shows aéreos noturnos? Simplesmente emocionantes e inesquecíveis. Foram duas noites memoráveis em que pudemos conferir as acrobacias da AeroShell Aerobatic Team, com seus T-6, além dos voos do Beech C18S e do Chipmunk (Ghostwriter Airshows) com seus rastros de luz pelos céus. No encerramento de cada show noturno, uma emocionante queima de fogos acompanhada da trilha sonora, pra deixar aquela vontade de voltar nas edições seguintes.

   Enfim, foram seis dias insanos e recheados de emoções e mesmo assim não foi possível ver tudo, tamanha grandiosidade do evento. Aqui fica apenas um resumo de todo o evento, já que não é possível citar tudo em pouco espaço.

Esperamos que gostem das imagens e sintam um pouco do que é Oshkosh, através de nossas imagens... 


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Pages